Acelga - A cultura e o cultivo

    A Acelga (Bela vulgaris L.) é uma hortaliça originária da Europa, muito apreciada em São Paulo e nas cidades vizinhas. Planta de clima ameno, resiste ao frio rigoroso e às geadas leves, mas pode ser cultivada também em locais de temperaturas mais elevadas. 

Variedades 
    Branca de lyon, crespa de lukullus e verde escura-folha larga. 

Epoca de plantio 
    Outono-inverno no Centro-Sul; fevereiro a julho em locais altos e abril a junho em locais de baixa altitude. 

Semeação 
    Feita em local definitivo,com 3 a 4 sementes por cova de 1 cm de profundidade, com espaçamento de 20 x 40 cm. Para melhor germinação, deve-se deixar as sementes na água durante 24 horas antes do plantio. Gastam-se 2 kg de semente por hectare na semeadura direta e metade disso na propagação de mudas. 

Raleação 
    Quando as plantas alcançarem entre 10 e 15 cm de altura, deve-se fazer o desbaste, deixando somente uma planta por cova. As capinas devem ser freqüentes, para evitar o alastramento de ervas invasoras. 

Adubação 
    Deve-se colocar esterco de curral: 8 kg/m2. Se faltar nitrogênio durante o ciclo de vida, aplicar 5 l/m2 de esterco líquido, repetindo , se necessário, uma semana depois. 

Irrigação 
    As irrigações devem ser abundantes e freqüentes. 

Colheita 
    Deverá ser iniciada oitenta dias após a semeação. Colhem-se apenas as folhas mais velhas, localizadas na periferia da planta, deixando-se de três a quatro folhas menores, para permitir o crescimento vegetativo da planta. A colheitadura de 3 a 4 meses. 

Composição nutricional por 100 g 
    27 calorias, 1,6 g de proteínas, 110 mg de cálcio, 29 mg de fósforo, 3.6 mg de ferro, 292 mmg de vitamina A, 0,03 mg de vitamina B1, 0,09 mg de vitamina B2 e 34 mg de vitamina C.

0 comentários :

Postar um comentário

 
Lider Agronomia - Todos os direitos reservados. | Política de Privacidade | Template Clean, criado por Tutoriais Blog .