Losna

    A losna (Artemísia absinthium L) éuma planta herbácea da família das compostas. Também conhecida como absinto, losna-maior, erva-dos-vermes, erva-santa ou alvina. É originária da Europa, Ásia e norte da África. Seu tamanho varia de 40 cm a 1m de altura. Possui folhas em forma de franjas arrendondadas, de cor cinza-esverdeada na parte superior e branco-prateada na parte inferior. As flores são amarelas e reúnem-se em pequenos cachos.

Clima e solo
Losna, Artemísia absinthium   Prefere climas temperados. Não suporta invernos rigorosos e geadas. Já foi comprovado que no Estado de São Paulo, a planta vegeta, mas não floresce. É possível que floresça no sul do país, mas seu cultivo não é usual. Aceita diversos tipos de solos, inclusive pedregosos, desde que permeáveis.

Plantio
   A propagação da losna é feita através de sementes, divisão de touceiras ou por estacas. As sementes devem ser importadas, devido à dificuldade da planta em florescer no Brasil. A semeação é feita em sementeira, na primavera. Depois da germinação, quando já existirem cinco folhas, faz-se o desbaste deixando as plantas distanciadas 5 cm uma das outras. Quando atingirem de 10 a 15 cm de altura, devem ser transplantadas para o local definitivo. O plantio por divisão de touceiras é feito na primavera ou no outono. Na propagação por estacas, recomenda-se o plantio na primavera. Espaçamento: 60 a 70 cm entre as linhas, por 30 a 40 cm entre as plantas.

Colheita 
   Depois de dois anos do plantio, quando as plantas estiverem bem enfolhadas, é feita a colheita, cortando-se toda a planta. A produção não pode ser exposta ao sol para se evitar assim a perda do aroma. Ela deve permanecer espalhada, num período de pré-secagem de 48 horas, em local bem ventilado e protegido da umidade, para depois passar pelo secador. A losna pode viver até 20 anos, porém a cultura comercial deve ser renovada a cada três ou cinco anos, para manter a qualidade e o nível de produção (cerca de 1500 kg/ha de folhas secas). 

Usos 
   A infusão de flores e folhas de losna (em diminutas doses) contém propriedades digestivas, vermífugas, estimulantes, tônicas e emenagogas (que faz vira menstruação). Pode ser utilizada na fabricação de licores e vermutes amargos. O sumo da losna é tóxico. 

Fotos:
Losna
Apesar de usada pela industria de bebídas o sumo da losna é toxico, e deve-se ter muito cuidado no preparo de infusões caseiras
Flores de losna
Flores de losna

0 comentários :

Postar um comentário

 
Lider Agronomia - Todos os direitos reservados. | Política de Privacidade | Template Clean, criado por Tutoriais Blog .